Livro inédito traz estudos sobre raízes judaicas no cristianismo

A melhor maneira de conhecer a fé cristã é remontar às próprias origens. Mais precisamente ao século I, período de formação da igreja. Ao beber desta fonte, o escritor e tradutor Getúlio Cidade resgata e confirma a intrínseca ligação do cristianismo com o judaísmo, conteúdo agora revelado em A Oliveira Natural – As Raízes Judaicas do Cristianismo, publicado pela PoD Editora.

A obra resulta de uma extensa pesquisa que ultrapassa duas décadas e inclui estudos sobre o hebraico bíblico e moderno na Rosen School of Hebrew, em Israel. Além dos ensinamentos da Bíblia Sagrada, o autor carioca baseou-se em fontes históricas, acadêmicas e em referências da literatura rabínica. Por isso, já nas primeiras páginas elucida as intenções ao abordar a cultura judaico-cristã.

Conhecer essas raízes não significa judaizar a Igreja gentílica, adotar costumes judeus […] Vai bem além de símbolos externos e consiste em conhecer o contexto religioso, sociocultural e histórico em que a Bíblia foi escrita, bem como seus valores transmitidos desde tempos imemoriais até a chegada do Messias, quando se iniciou o cristianismo. Este, por sua vez, era uma mera ramificação dentro do judaísmo, não uma nova religião, sendo desvinculado dele por imposição do império romano somente séculos mais tarde.” (A Oliveira Natural, p. 21 – Getúlio Cidade)

Dividido em dois livros, este primeiro volume apresenta o começo da mescla de crenças ao explorar o relacionamento entre judeus e gentios ao longo da história. Um dos capítulos mostra Jesus como judeu em todos os aspectos da vida, do nascimento à morte. Outra figura importante é o rabino Paulo, responsável por legar mais da metade dos títulos do Novo Testamento por intermédio de suas cartas às igrejas no primeiro século.

A obra também adentra nas festas bíblicas, chamadas nas Escrituras Sagradas de Festas do Senhor, especificamente as que ocorrem na primavera de Israel – Páscoa, Asmos, Primícias e Pentecostes –, com detalhamento em profundidade raramente encontrada. Getúlio Cidade mostra a Páscoa como realmente foi concebida, desde a primeira noite, por ocasião da saída do Egito, cerca de 1300 a.C, até a última ceia.

A Oliveira Natural apresenta um conteúdo inédito e é um dos poucos livros em língua portuguesa que abordam, de forma didática, o tema com profundidade histórica e detalhada. Ao recordar as palavras do apóstolo Paulo referindo-se a Israel no título da obra, o autor contribui para revelar as origens judaicas que nutrem e enobrecem a fé cristã, fato muitas vezes negligenciado.

Ficha técnica:
Título: A Oliveira Natural
Subtítulo: As Raízes Judaicas do Cristianismo
Editora: PoD Editora
ISBN 978-65-86147-62-9
Formato: 15x21cm
Páginas: 298
Preço:  R$38,00 (físico) e R$15,73 (eBook)
Link de compra: Amazon e PoD Editora

Sobre o autor: Getúlio de Alvarenga Cidade é cristão, tradutor e natural da cidade do Rio de Janeiro, onde dedica-se, há mais de vinte anos, a pesquisar e a estudar as raízes judaicas do cristianismo, o que o conduziu a uma estreita ligação com Israel, seu povo e sua cultura, incluindo o aprendizado do hebraico bíblico e moderno. É graduado pela Escola Naval, possui mestrado em ciências navais pela Escola de Guerra Naval e pós-graduações em instituições de ensino militares e civis, no Brasil e no exterior, incluindo a National Defense University nos Estados Unidos da América. É Capitão-de-Mar-e-Guerra da reserva da Marinha do Brasil, onde serviu durante 32 anos.

Redes sociais: Facebook | Instagram
Site do autor: www.aoliveiranatural.com.br

Tosta Comunicação

Tosta Comunicação

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *